Saturday, April 21, 2007

Estudante profissional de 30 anos ganha boquinha no ministério dos esportes...

stalin.jpg

Imagem: Stalin batendo palmas para os vagabundos profissionais

Sei que muitos dos que frequentam este blog são universitários. Os que estudam em Universidade pública devem conhecer a famosa figura do estudante profissional. Trata-se daquele cara que estuda na universidade vários anos, mas que você nunca viu na sala de aula, ou por outra, até viu, mas ele entrou junto dos militantes do PSTU para falar dos "porcos capitalistas". Nas reuniões de departamento, comissões de bolsa, comitês, o cara está sempre . Aula que é bom, nada! Estes caras ficam , infernizando aqueles que querem estudar, galgando posições de poder na burocracia universitária. , quando você precisa de um prazo para defender sua tese é este idiota que decidirá. Ele e vários outros militantes que também nunca foram à aula. Descolam uma representação em movimento estudantil e toca de viajar às nossas custas. Depois disso não querem sair mais da universidade. Na minha, um cara famoso que está na graduação uns dez anos. foi a vários lugares com a grana da universidade. Nunca o vi em sala de aula.

Quando dei aula na pública virei inimiga desta gente. Não havia semana em que não pedissem para entrar e protestar contra algo ou fazer campanha para o grêmio. Eu jamais permiti que entrassem. Pediam e eu negava e ficavam com cara de furiosos do lado de fora. fui ameaçada e tudo. Outro dia, como aluna, na véspera das eleições, eles entraram. O discurso é que nós deveríamos votar no Lula para impedir que a "ultra-direita" capitalista chegasse ao poder. Me retirei e depois reclamei com a professora. E ainda falaram em nome de todos os alunos, pois fazem parte do grêmio. Enfim, a barbárie.

E hoje no Globo me deparo com a seguinte notícia:

Para ocupar a secretaria executiva do Ministério do Esporte, segundo cargo mais importante na pasta, foi nomeado o estudante de medicina Wadson Nathaniel Ribeiro, de 30 anos. Ele não tem qualquer experiência na área, mas tem duas qualificações para a indicação: é filiado ao PCdoB e trata-se de um ex-presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE), tal qual o ministro do Esporte, Orlando Silva...
...Wadson estuda medicina na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Ele presidiu a UNE entre 1999 a 2001 e atua vários anos no movimento estudantil.

E aí, vocês reconhecem esse cara? Eu reconheço, é o estudante profissional e ele vai ocupar um cargo a respeito do qual não entende nada. E sabe quem vai pagar por isso? Nós, os otários que nos matamos de trabalhar e entramos no mercado de trabalho com muita dificuldade. Neste governo, privilegiado é aquele que não faz nada, o vagabundo mesmo. Vide nosso presidente.


Oriane

5 comments:

william said...

Ontem mesmo um amigo me perguntava por que eles querem tanto presidir o centro acadêmico, que importância ele tem. Pois bem, vemos por quê.

Paulo said...

Oriane,

É por essas e por outras que TODAS as universidades públicas deveriam ser pagas. Assim, esses vagabundos tratariam de ESTUDAR, para se formarem e irem à batalha no mercado de trabalho...

Furio said...

Sr. Paulo:

Os referidos vagabundos devem fazer parte do seu circulo de relacionamentos sendo do tipo: parentes,amigos e apaniguados. Como tive de trabalhar para me formar mesmo estudando em uma Universidade pública só posso achar que o Senhor faz parte da minoria que se beneficiaria com a medida, ou é totalmente equivocado.Ou ambas as hipóteses.

PATRICIA M. said...

Tambem acho que a universidade deveria ser paga. Ninguem da valor ao que recebe de graca.

Alias, Oriane, presumo que voce trabalha nesse meio - dando aulas - entao saiba me responder: nao ha JUBILAMENTO nao? Na minha epoca havia... Ha um prazo para se cursar qualquer programa, Deus me livre, mas se o cara nao consegue cursar no prazo ele eh um idiota sem neuronios e precisa dar seu lugar a outro mais interessado!!! Se nao eh idiota sem neuronios, eh como bem disse o Paulo, vagabundo.

Alias, que tal discutirmos esse negocio de "universidade para todos"? Nem todo mundo precisa ou deve cursar universidade...

Marx, o Groucho, e Oriane de Guermantes said...

Oi Patrícia,
sim, há o jubilamento, mas eu creio que essas pessoas nem são escritas na universidade. Na UFRJ há várias formas de driblar isso: trancamento, dilação de prazo etc. Mas acho que esses caras, depois de um certo tempo, só são estudantes na cabeça deles.
Uma amiga me disse que o tal cara que eu achava que está lá há dez anos está , na verdade, há quase vinte.
Eu não sei como eles fazem, o prazo para ser jubilado é de 8 anos!
Este país não é sério Patrícia!
Vamos começar a discussão sobre Universidade para todos. Acho que já sei sobre o que vou falar.
Já viu que botei um link para seu blog?

Beijo